Fibronasolaringoscopia

 

O que é?

O exame de fibronasolaringoscopia tem o objetivo de analisar o estado do nariz, faringe e laringe, regiões conhecidas como vias aéreas altas. Por meio da introdução, pelas vias nasais, de um aparelho chamado endoscópio, é possível obter imagens da mucosa e das estruturas da região. Os tubos do aparelho são flexíveis e se adaptam aos locais que passam, sem causar grandes incômodos ao paciente.

Quando fazer o exame?

O procedimento é indicado para avaliar as condições da mucosa nasal e das estruturas das cavidades nasais e rinofaringe. Além disso, é através dele que o profissional é capaz de detectar alterações como:

  • Desvios do septo nasal;
  • Hipertrofia de conchas nasais;
  • Hipertrofia de adenoides (adenoide grande);
  • Presença de pólipos inflamatórios;
  • Suspeita de tumor em cavidade nasal;
  • Exame da região de drenagem dos seios paranasais.

Além disso, pode ser usado para acompanhar, identificar e tratar pacientes acometidos pelas seguintes doenças:

  • Rinite;
  • Sinusite;
  • Obstrução nasal;
  • Ronco e apneia do sono;
  • Cefaleias recorrentes;
  • Rouquidão;
  • Tosses;
  • Distúrbios do olfato e paladar;
  • Sangramentos nasais.

Como é realizado o exame?

O exame de Fibronasolaringoscopia é uma avaliação feita para diagnosticar e encontrar doenças das vias aéreas altas (nariz, faringe e laringe), como rinites e faringites, por exemplo. Ele é feito por meio da introdução de um tubo flexível nas narinas, por onde passa o endoscópio.

Preparo

Não há restrições.